A fototerapia é um tratamento direcionado para a pele indolor, onde há rejuvenescimento sem dorUtiliza-se uma Luz Emitida por Diodo (LED) que estimula ou mesmo inibe determinadas atividades das células favorecendo o rejuvenescimento. Estudos submetidos ao FDA (Food and Drugs Administration) dos Estados Unidos, demonstraram 60% a 80% de melhora na qualidade da pele facial, do pescoço e do colo. Cientificamente testada a fototerapia é realizada por aparelhos chamados de LED. A Fototerapia não é invasiva, não emite raios UV, não causa aumento da temperatura da superfície da pele, permitindo assim um resultado gradativo, seguro e indolor. Enquanto os LASERs provocam um aquecimento intenso da pele e esse calor gera a produção do colágeno, os LEDs atuam diretamente ao nível celular, ativando as mitocôndrias e favorecendo a formação de colágeno pelos fibroblastos e a redução da produção de colagenase, enzima que destrói o colágeno bom. Portanto, não há nenhuma agressão, nem dor ou risco de marcas e cicatrizes. O principal benefício do tratamento com LED é tornar a pele mais macia, mais suave e delicada, mais elástica, com redução na aparência das linhas finas, rugas e pigmentação. Os LEDs não se propõem a substituir os LASERs. Alguns tratamentos exigem um procedimento que provoque uma agressão mais intensa na pele, desde que controlada. Isto acontece, por exemplo, com as manchas escuras ou vasos que as pessoas apresentam nas áreas expostas ao sol. Nesses casos, a Fototerapia com o LED não vai atuar e não terá qualquer tipo de efeito benéfico. A fototerapia tem ação gradual e o número de sessões em média em torno de 8 a 10, 1x/semana com duração de 1h e manutenção a cada 6 meses. É claro que isso não exclui a necessidade de cuidados com a pele (filtro solar, cosmecêuticos, limpeza de pele), alimentação bem balanceada e evitar uso de cigarro. Pode ser associado a outros procedimentos como Botox, peelings, laser, preenchimentos. Indicado para: Rejuvenescimento Manchas de pele Acne ativa Dermatite seborréica Edema e hematomas pós cirurgicos